Império Serviços de Cobrança - Empresa de Cobrança especializada em Recuperação de Créditos | Empresa de Cobrança especializada em Recuperação de Créditos

SP

(11) 4432-2894

Outros Contatos:

SP(11) 4432-2894

GO(62) 4053-9013

SP(11) 98458-2542

SP(11) 4063-6933

RJ(21) 4062-7555

RS(53) 4062-9080

SC(47) 4052-9472

Solicite seu Orçamento Clique aqui

Em 2011 inadimplência do consumidor ji-paranaense cresce

O consumidor ji-paranaense teve mais dificuldades para honrar os pagamentos em 2011; inadimplência subiu 24%, segundo levantamento da CDL

A inadimplência do consumidor ji-paranaense cresceu 24% no ano de 2011 comparado com o ano de 2010, segundo indicador do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), que é representado pela Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL). Em 2010 foram incluídas 27.729 pessoas no cadastro de inadimplência, enquanto que em 2011 foram 34.370.

Segundo o relatório, a inadimplência das empresas também aumentou em 36% no último ano, na comparação com o ano de 2010. Foram incluídas 1.574 empresas de Ji-Paraná no sistema SPC Jurídico em 2011. Enquanto que em 2010 foram incluídas 1.157.

A inadimplência com cheques de pessoa jurídica cresceu 1% em 2011, sobre o ano de 2010, segundo o levantamento da CDL. Já o número de cheques sem fundo de pessoa física diminuiu em 17% comparado ao ano de 2010. Em 2011 foram devolvidos 447 cheques e em 2010 foram 537 cheques.

Para a administradora da CDL, Silvia Moreira, o número de cheques sem fundo tem diminuído há alguns anos, por causa de compras feitas pelo crediário das lojas e pelo aumento excessivo de compras feitas por meio do cartão de crédito. “Por isso tem aumentado o índice de inadimplência de pessoa física. O consumidor tem dificuldade de controlar os gastos e acabam endividados”, disse.

Outro problema, de acordo com o dirigente lojista, José Aparecido Gonçalves, é que estabelecimentos menos organizados só pedem identidade e não fazem análise de crédito, para saber se o consumidor terá condições financeiras de arcar com as prestações. “Quando o lojista não tem o cuidado de checar no sistema do SPC, o risco de levar calote é imenso. Se tomadas às medidas preventivas, como buscar informações sobre os consumidores, os índices de inadimplência tendem a diminuir”, orientou.

Débitos quitados

Considerando as dívidas quitadas houve alta de 3%, na comparação entre os dados de 2010 e 2011, com 25.548 e 26.303 excluídos no sistema, respectivamente. O melhor resultado foi à dívida quitada de pessoa jurídica (empresas), com 49% de aumento e cheque de pessoa jurídica que cresceu 42% comparado ao ano de 2010. Já os dados de exclusão do SPC de cheque de pessoa física diminuíram 18%.

Fonte: RondoNotícias

Copyright © 2021 Império Serviços de Cobrança. Todos os direitos reservados | Política de Privacidade | Mapa do Site

Agência FG - Uma Agência Full Service que Faz Acontecer! Agência FG - Uma Agência Full Service que Faz Acontecer!