Império Serviços de Cobrança - Empresa de Cobrança especializada em Recuperação de Créditos | Empresa de Cobrança especializada em Recuperação de Créditos

SP

(11) 4432-2894

Outros Contatos:

SP(11) 4432-2894

GO(62) 4053-9013

SP(11) 98458-2542

SP(11) 4063-6933

RJ(21) 4062-7555

RS(53) 4062-9080

SC(47) 4052-9472

Solicite seu Orçamento Clique aqui

Desde outubro de 2011 juro para famílias sobe ao maior nível

A taxa média de juros cobrada das famílias brasileiras em fevereiro atingiu 45,4% ao ano, segundo informou nesta terça-feira o Banco Central. O resultado é o maior desde outubro do ano passado, quando o percentual atingiu 47,1%. Em janeiro, a taxa de juros às famílias foi de 45,1% anuais.

Dentre as modalidades de crédito disponíveis para o consumo, a mais cara continua sendo o cheque especial, cuja taxa de juros atingiu 182,8% ao ano em fevereiro. Os juros cobrados no cheque especial caíram em relação a janeiro, quando a taxa era de 185,9%. Em fevereiro, essa modalidade de empréstimo atingiu a menor taxa de juros desde abril do ano passado, quando o patamar era de 178,1%.

Já o crédito pessoal vem subindo mês a mês e atingiu 50,6% de juros ao ano, o maior patamar desde março de 2009, quando a taxa cobrada era de 50,8%. Os empréstimos para a compra de carros ficaram mais caros em fevereiro, atingindo o patamar de 27% de juros ao ano, valor 0,02 ponto percentual mais baixo que janeiro.

Para as empresas, no entanto, houve queda de 0,01 ponto percentual na taxa de juros cobrada pelos bancos, que passou de 28,7% em janeiro para 28,6% em fevereiro. Com isso, a taxa média de juros passou de 38% em janeiro para 38,1% no mês passado, sendo a maior desde novembro do ano passado (38,5%).

A inadimplência das famílias e das empresas em fevereiro repetiu o resultado de janeiro e ficou em 7,6% e 4,1%, respectivamente. Na média, 5,8% das pessoas físicas e jurídicas não cumpriram compromissos financeiros em fevereiro deste ano, o mesmo percentual de janeiro, se igualando ao patamar de janeiro de 2010.

Em relação ao Produto Interno Bruto (PIB), a soma de todas as riquezas produzidas no País, o crédito atingiu 48,8% em fevereiro, mesmo patamar de janeiro. Em valores, o saldo total das operações de crédito alcançou R$ 2,035 bilhões em fevereiro, valor 0,4% maior que em fevereiro do ano passado.

Fonte: Terra

Copyright © 2021 Império Serviços de Cobrança. Todos os direitos reservados | Política de Privacidade | Mapa do Site

Agência FG - Uma Agência Full Service que Faz Acontecer! Agência FG - Uma Agência Full Service que Faz Acontecer!